quinta-feira, 9 de setembro de 2010

O Vicio...

Julia era uma linda menina, de apenas 16 anos alegre e sorridente, aquela rodeada de amigos e paqueras. Um dia, em uma festinha qualquer com as amigas, ela o conheceu a heroína!
Durante alguns anos ela foi feliz com aquela droga, que a consumia, e todos diziam que ela devia parar com aquilo, que era apenas uma menina, que sua vida estava passando e ela estava se acabando, definhando, sozinha! A heroína, sua infiel companheira  divertia-se com seu sofrimento!
Um dia, Julia resolveu que ia se curar, e aos poucos foi largando o vicio, até que  em uma véspera de ano novo, ela decidiu que aquilo não era mais pra ela, que estava na hora de iniciar um novo ciclo em sua vida, e que no novo ano ela estaria limpa pois a partir daquele momento sua vida ia mudar. Ela ia se dedicar aos estudos, aos seus sonhos, aos seus amigos, e que a heroína não seria mais sua prioridade.
Parecia que tudo estava andando normalmente, e Julia finalmente estava curada desse problema, até que meses depois, algum palhaço, por pura maldade, deixou em sua bolsa um saquinho, com um pozinho branco!
Ela não teve duvidas do que era... E Julia enlouqueceu, suas narinas abriram, seus olhos deixavam escorrer lagrimas, ela esmurrava as paredes e chorava, gritava, a dor era forte, incessante! Ela queria muito aquilo, mas sabia que não era o certo, Julia estava em um conflito consigo mesma, onde a razão e a emoção gritavam dentro de si.
Naquele momento ela tinha a oportunidade de decidir, e a responsabilidade era toda dela...
Após algum tempo de análise e com o coração apertado, Julia pegou o saco jogou no lixo, e foi embora!



Este conto pode ser comparado com diversas situações em nossas vidas, pra mim, representa uma grande transição, e é por isto que esta é minha primeira postagem. Julia representa os milhões de pessoas com vícios degenerativos, que tem a consciência dos mesmos, e vontade de mudá-los.
Você já parou para se perguntar qual é o seu vicio? E quais os benefícios e malefícios que ele lhe proporciona?! Até qual ponto é vale a pena sustentar um vicio? Até quando sua auto-estima continuará sendo denegrida por ele?!

Beijos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito bem vinda!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...