domingo, 16 de setembro de 2012

Layout Novo, vida nova!


Oi pessoas lindas, como vocês estão?! 

Vim passar por aqui rapidinho pra mostrar pra vocês a nova imagem pro blog, feita pela minha grande amiga e excelentissima artista Jussara Almstadter.

A idéia surgiu logo após a escrita do texto anterior uma comparação do termo gaiolas, comentei com a Ju a idéia e ficamos de amadurecê-la um dia para colocar no papel, quando eu vi, literalmente já estava em papel, desenhado e pintado, mais perfeito do que sequer minha imaginação poderia imaginar, e em breve estará emoldurado na parede do meu quarto!

Esta nova fase no blog, marca também uma nova fase na minha vida, muitas mudanças ocorreram nos ultimos meses, virei no próximo texto expor algumas  delas pra vocês.

Beijos no coração! 


terça-feira, 11 de setembro de 2012

Crescer...



Getty Images, todos os direitos reservados.
A vida adulta parece um sonho quando ainda somos crianças, temos o desejo de não responder mais aos nossos pais e de poder passar dias e noites brincando com os amigos ou no vídeo-game, pular corda, brincar de esconde-esconde, mãe da rua, bandeirinha, casinha, escritório, parece uma felicidade inesgotável, aqueles pés sujos de barro, aquela camisa suada, cabelo despenteado, e nenhuma preocupação se iam achar que somos desleixados.

Não existia pré-ocupação, e a maior responsabilidade era a de ir para a casa da avó depois da escola brigar com o primo mais velho, o maior medo eram os filmes de terror as sextas-feiras a noite, e você implorava pro seu primo(irmão) te acolher na casa dele porque você tava com medo de ficar sozinha!

Seu ideal de vida era definido em: "Amor, Amizade e União" e podia comer feito um animal selvagem que isso não lhe preocupava! 

Daí um dia... Você olha pra trás e vê que nada disso está mais lá, que o tempo passou... Seus amigos ficaram grandes, assim como você, cada um seguiu seu rumo, seus pais ficaram velhos, ranzinzas e cansados, e você tem que se preocupar em ser um bom profissional, amigo, filho, companheiro, você vê o peso do tempo e parece que luta contra ele.

O ser humano num contexto geral tem um medo absurdo desse poder, o poder sobre si mesmo, o poder de ser feliz, de ser livre! Ele busca a vida inteira amadurecer e quando finalmente chega a este ponto parece que começa a regredir, a sabotar.


Fique em Paz! 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...